Domingo, 11 de Julho de 2010

Peixe lanterna

Debaixo do olho, o peixe-lanterna tem um órgão composto por bactérias simbióticas, que produzem luz. Este órgão pode emitir luz até 50 vezes por minuto. A luz é utilizada para comunicar, ver, para confundir predadores e atrair presas. Quando ameaçado, o indivíduo pode cobrir esta luz tapando-a com uma estrutura semelhante a uma pálpebra. Os peixe-lanterna podem ser observados nas noites de lua nova, na periferia de recifes, particularmente em áreas com grutas. Em algumas regiões podem subir até à superfície, embora raramente abandonem a área onde vivem. Durante o dia permanecem abaixo dos 100 m.

 

 

Os peixes-lanternas são apenas uma espécie de milhares de espécies de peixes.

 

Vencedora: http://arca_animalis.blogs.sapo.pt/

publicado por Animalia às 15:00
link | comentar | favorito